sábado, 18 de dezembro de 2010

Se na terra outras houvesse a ela (Gloria Pires) iguais, seria a vida só poesia e o tédio um nome e nada mais

Karine Veiga sempre alimentou o sonho de conhecer Gloria Pires de quem é fã número 1. Desde que acompanhou Anjo Mau no Vale a Pena Ver de Novo quando ainda era bem pequenininha. Quando o assunto é Gloria: "Com o passar dos anos fui acompanhando a carreira da Gloria e conhecendo cada vez mais essa grande mulher, que por sinal fascinou não só a mim, mas muitos outros fãs sagrados que por aqui passam" afirma orgulhosa.
A área da comunicação é outra das grandes paixões de Karine. Adora fazer montagens em fotos, modificar, editar e hoje é uma colaboradora do Memorial Gloria Pires abusando da sua criatividade.
Cantar (ela adora MPB) é um dos passatempos preferidos da menina que entre os estudos e a diversão consegue unir o útil ao agradável, e com muita determinação pôde conhecer pessoalmente a grande atriz Gloria Pires quando esteve em Salvador para lançar o livro '40 anos de Gloria', a enciclopédia dos fãs escrito por Eduardo Nassife e Fábio Fabrício Fabretti. Conheçam muito mais o que Karine tem a dizer, boa leitura.

Se na terra outras houvesse a ela (Gloria Pires) iguais, seria a vida só poesia e o tédio um nome e nada mais
Por Karine Veiga
Karine em diversos momentos ao lado de Gloria Pires
Posso ser jovem, mas quando o assunto é Gloria Pires dá vontade de viver uma época que infelizmente não fez parte da minha vida. Mas a cada momento tento colher informações dessa atriz que tanto me alegra e orgulha.
Meu principal alvo em novelas são os atores consagrados. Quando era pequena acompanhava Vale a Pena Ver de Novo na época de Anjo Mau e não esqueço a Nice, Gloria estava magnífica, nessa época eu nem sabia que por trás daquela apaixonada babá existia uma linda e adorável mulher, lembro que no final chorei apavorada com a possível morte da Nice,  falava pra moça que trabalha na casa da minha tia: “Não deixa ela morrer não Bete”, e ela ria do meu desespero. A partir daí gravei o rostinho, principalmente as covinhas da Gloria e todas as novelas que ela estava no elenco eu assistia. Com o passar dos anos fui acompanhando a carreira da Gloria e conhecendo cada vez mais essa grande mulher, que por sinal fascinou não só a mim, mas muitos outros fãs sagrados que por aqui passam.

O sonho que virou realidade

Depois de ter acabados todos os lançamentos, eu conformada de que não foi dessa vez, vem um tópico na comunidade do Orkut que me fez enlouquecer... O lançamento em Salvador estava confirmado, meu pai disse que íamos e pra completar minha felicidade tinha uma torcida de amigos, não só na comunidade, felizes por saberem que eu ia realizar meu sonho!
Cheguei ao shopping no horário a viagem demorou, o amigo Alexsandro de Fortaleza estava me esperando, deixei meus pais na enorme fila e fui tentar vê-la. Quando dei por mim tinha passado por todo pessoal até chegar ao local, que me permitia enxergar, de longe, a tão querida e brilhante Gloria. Foi um choque, chorei de felicidade e realização.
Recuperada da emoção voltei a fila e então só me restou esperar, até que chegou a hora de entrar no espaço onde a gloriosa se encontrava. Ao chegar no local, acenei com as mãos, chamando a atenção dela, quando ela fixou os olhos em mim, mandei um beijo cheio de carinho, e ela com toda simpatia que transborda daquela personalidade que conhecemos bem, me retribui o beijo. Em seguida eu e o Alexsandro fomos falar com o Padilha, que preencheu ainda mais minha noite. Daquele trio que tanto almejava conhecer é difícil descrever o mais simpático, Gloria, Eduardo e o Padilha resumem-se em extrema simpatia. Esperei algumas pessoas pegarem seus autografos até que, chegou a minha vez, Padilha me apresentou a ela “Gloria essa é karine” logo ela falou “ah aquela que tava ali e acenou” eu falei “exatamente” e então já fui falando o quanto era importante aquele momento e quando vi já estávamos abraçadas, soltei o braço pra não ser inconveniente e ela continuou com um abraço de retribuição. Comentei a admiração que sentia por ela, não só como atriz mas também mãe, mulher, ser humano. Abracei o Eduardo a quem agradeci totalmente realizada, em seguida pedi um autografo pra Sarah minha fiel e querida amiga. Ela me agradeceu, pela disponibilidade, pelo carinho, tiramos fotos, minha mãe conseguiu entrar e veio toda feliz falar com ela: "Gloria minha filha é muito sua fã” e eu complementei “Gloria, ela tem ciúmes de você, ve se pode” (risos)e no finalzinho comentei “a gente vai se encontrar mais vezes pode apostar” e ela toda sorridente falou “Nossa que maravilha” e então fui saindo.
Na volta para casa, que por sinal foi longa e cansativa, atravessando aquele mar todo, só uma frase na minha mente: “Eu consegui” me senti muito feliz e vitoriosa, foi a comprovação de que nada é impossível quando se tem Deus e pessoas que fazem certos sacrifícios em troca de um sorriso repleto de realização. Ao chegar em casa por volta das 2h da manhã bateu um medo. Dormir era algo que queria muito, mas e se quando eu acordasse no outro dia, tudo o que eu tinha acabado de vivenciar fosse mais um dos tão fantásticos sonhos que tinha com freqüência, (risos) parecia loucura , mas foi tudo tão mágico que esse medo maluco foi inevitável, tudo bem que é difícil ser tão bem tratada, mas naquele caso era verdade, foi pouco tempo porém o suficiente para ter a certeza do quanto é gloriosa aquela unanimidade.

"Ping-pong" com Karine Veiga
Ela leu o livro e hoje acompanha 'Vale Tudo' só para ver a Maria de Fátima


Melhor novela: Mulheres de Areia (1993)Melhor minissérie: Memorial de Maria Moura (1994)Melhor filme: Lula, o filho do Brasil (2010) (Ela rouba todas as cenas)Personagem inesquecível: Helena – Se eu fosse você (2006 e 2009)Música/trilha que lembra a Gloria Pires: Figura (Orlando Morais) e Dancin'Days (Frenéticas)Melhor par romântico: Tony Ramos Cena inesquecível: Nice voltando da maternidade com o bebê no colo -Última cena de Anjo Mau (1998)Melhor vilã: Maria de Fatima (Vale Tudo - 1988)
Melhor mocinha: Lúcia (Paraíso Tropical - 2007) Remake e personagem que gostaria de ver a Gloria: Julia Matos de Dancin'DaysAtor que ainda não fez par romântico com a atriz: Marcos PauloAchei um desperdício: O filme Pequeno dicionário amoroso (1997)Gostaria de ter visto na TV: Dancin'Days (1978)Gosto de ouvir Glorinha cantando: Drops de HortelãDefina Gloria Pires em uma frase: “ Um brinde a ela, pois se na terra outras houvesse a ela iguais, seria a vida só poesia e o tédio um nome nada mais.”
Galeria de fotos:
A amiga Roberta entregando a carta e a lembrança de Karine a Glorinha em São Paulo
Vestindo a camisa literalmente em nome de ser fã de uma das melhores atrizes do país

O autógrafo guardado com muito carinho

Ao lado de Padilha, o acessor de Glorinha, simpatia em pessoa.
Emocionada ao conhecer Eduardo Nassife e Gloria Pires

Conclusão:
Agradecendo minha amiga Karine Veiga pelo depoimento e também por ajudar sempre a atualizar o Memorial com novas postagens, parabéns e sucesso. O blog é nosso, é de quem quiser e de quem vier. 

3 comentários:

Karine Veiga disse...

Muito Obrigada queridooo!! prazer é todo meu está aqui sempre!! :D

Elisangela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kamila Lima disse...

Karine Parabéns estava lendo o seu resumo e tremendo. Dizia: Nunca vou desistir do meu sonho. Parabéns Beijos