domingo, 19 de julho de 2009

A pequena órfã (1968) - O início de tudo

Ufa! Depois de muito custo achei o vídeo que tanto procurei. Como não consegui achar no youtube precisei recorrer a meus "velhos arquivos" ver se tinha salvo. Para minha sorte consegui encontrar.

Para quem não se lembra ele fala da história de "A pequena órfã" e tem rápidas passagens de cenas com Gloria Pires então com 5 anos em sua estreia na televisão (veja como foi logo abaixo). O vídeo foi recuperado pelo video show e entre idas e vindas no youtube não consegui achar, é uma verdadeira relíquia.




A pequena órfã

Data de exibição: 01 de Julho de 1968 a Maio de 1969

Novela de: Teixeira Filho

Direção: Dioníso Azevedo

Canal: Excelsior - 18h30


Glória participa da abertura da novela A pequena órfã. O diretor Dionísio Azevedo, que interpreta o velho Gui, bom velhinho que cuidava da pequena órfã, gostou do que viu e a convidou para integrar o elenco de crianças do orfanato. No 1º dia de gravação, sofreu uma hemorragia nasal que a afastou da novela.

Posteriormente, quando a protagonista Patrícia Ayres foi retirada da novela por problemas contratuais, Glória teve outra chance de mostrar seu talento. Antonio Carlos ouviu a filha imitando a voz e o sotaque paulistano da menina. Ao saber disso Dionísio teve a idéia de usar imagens já gravadas de Patrícia e a voz de Glória, mantendo a novela no ar enquanto se resolvia o problema de Patrícia.

A pequena órfã revelou vários atores: Nestor de Montemar, Roberto Maya e as iniciantes Glória Pires e Nádia Lippi.

Fontes de pesquisa:

Arquivo Pessoal

Site oficial Gloria Pires

Site teledramaturgia

2 comentários:

Rosangela disse...

Caramba, que legal esta matéria sobre a pequena orfã, esta ha muito tempo querendo saber sobre esta novela e sobre a Patrícia Ayres, poxa fiquei muito feliz de ter descoberto este blog.Muito obrigada pelas informações.

beijos

Rosangela?Maricá

Parnayoka disse...

Gostaria muito de saber o nome da musica tema desta novela, se alguem puder me ajudar, muito grato.