quarta-feira, 14 de maio de 2014

Gloria Pires se transforma em devoradora de homens em "Babilônia"

A personagem será uma das vilãs de "Babilônia", novela que Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga escrevem para o horário nobre da Globo 

Gloria Pires começa a se preparar para dar vida a uma mulher ninfomaníaca que mata seus parceiros após o ato sexual. A personagem será uma das vilãs de "Babilônia", novela que Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga escrevem para o horário nobre da Globo. A estreia do folhetim só vai acontecer após o Carnaval do ano que vem, mas a atriz já foi reservada para o papel e se entusiasmou com a proposta que terá de encarar em cena. "Me mandaram a sinopse no final de março e não sei o que posso divulgar sobre a história. Nunca fiz uma devoradora de homens. Posso dizer que adorei", adianta a veterana. 

Gloria e Gilberto Braga mantêm uma longa parceria de trabalho desde 1978, quando a atriz integrou o elenco de "Dancin' Days" na pele da jovem Marisa. "Gilberto sempre é ótimo e surpreendente", pontua a atriz. Como Gloria estava escalada para estrelar a série "Doctor Pri", de Aguinaldo Silva, foi cogitado que ela teria desistido do trabalho dando preferência à obra de Gilberto Braga e o programa teria sido cancelado por conta disso. No entanto, a atriz nega. "O seriado não foi cancelado, foi adiado, mas é a Globo que tem de se manifestar. Tem coisas que uma atriz não tem como resolver; é a empresa que não tem espaço e não adianta ficar chateada", comenta. 

"Babilônia" terá três protagonistas. Gloria é uma delas e as outras duas personagens principais vão ser interpretadas por Camila Pitanga e Deborah Evelyn, mas os autores tentam manter em segredo toda a história. Eles deixaram escapar somente esse polêmico papel de Gloria Pires e que Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg formarão um casal de lésbicas. Na história, após anos de vida em comum, as duas irão oficializar a união,e a atriz Daisy Lúcidi será uma reacionária, inimiga da dupla. Gloria, que viveu uma homossexual recentemente no cinema no filme "Flores Raras", vê com muita naturalidadea abordagem ao tema. "As pessoas agora estão aceitando mais essa realidade e a empresa também. Os tempos mudam e as coisas evoluem", observa a atriz, que revela que não consegue acompanhar uma novela, como a de Manoel Carlos, "Em Família", que também pretende contar uma história de amor entre duas mulheres: Clara (Giovanna Antonelli) e Marina (Tainá Müller). "Quando estou fazendo, acompanho nem que seja vendo o capítulo na internet. Nem sempre estou em casa ou em um lugar que tem TV. O meu trabalho eu tenho de assistir para corrigir aquilo que não está bom." 

A atriz declinou de um convite para participar do filme "Irmã Dulce" porque estaria gravando "Doctor Pri". A produção já está sendo rodada com Bianca Comparato e Regina Braga na pele da religiosa em diferentes fases. Porém, os produtores convidaram Gloria para fazer uma participação especial. "Eles me chamaram para fazer a mãe da irmã Dulce, que aparece em uma única sequência", conta ela.

Fonte:

Nenhum comentário: