sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Ruth grita no tribunal que não é a Raquel.

Arquivo gentilmente cedido por Césio Gaudereto

Nenhum comentário: