segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Cheia de ódio, Norma diz na cadeia que vai provar a sua inocência

Detenta debocha quando a enfermeira diz não ter culpa de nada

Norma (Gloria Pires) é considerada culpada pelo roubo dos dólares de Silveira (Hugo Carvana), que morreu acusando a enfermeira ao saber que seu dinheiro tinha desaparecido do esconderijo. Ela foi enganada por Léo (Gabriel Braga Nunes), que a seduziu se passando por Amando, um homem simples, que teria se apaixonado por ela.
Norma vai então para a delegacia, presta depoimento e segue para a carceragem feminina. Ela entra na cela muito assustada e percebe que uma detenta, Florinda (Tamara Taxman), a olha fixamente. A presa pergunta à enfermeira por que ela foi parar naquele lugar. “Eu não fiz nada de errado. Sou inocente”, fala Norma.
Florinda dá uma gargalhada: "Claro, meu bem. Todas nós aqui somos inocentes como anjos.” Com ódio nos olhos Norma, diz a si mesma:"Eu vou provar que sou inocente”.
Parece que a enfermeira vai sofrer uma transformação em Insensato Coração.
Não perca! A cena vai ao ar a partir desta quarta, 09 de fevereiro.

Fonte de pesquisa:
Insensato Coração - Oficial

Nenhum comentário: