segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Norma toma coragem e responde grosseria de Silveira aos berros

Cansada da maneira como é tratada, ela reage ao mau humor do patrão no mesmo tom

Silveira (Hugo Carvana) tem mais um acesso de tosse. Norma (Gloria Pires) e Cida entram no quarto para acudi-lo. A enfermeira mede a temperatura de Silveira, que não perde tempo para soltar suas rabugices. "Você está louca para me dar outra vez aquele xarope com gosto de barata", reclama o aposentado.
Norma desconversa, diz que a hora do xarope e dos outros remédios é mais tarde, e que já explicou tudo para Cida. Silveira estranha a atitude da enfermeira, que lembra ao patrão ter pedido para que a empregada ficasse em seu lugar enquanto ela dá uma saída.
"Saída para onde? Enfeitada desse jeito? Só poder ser para um circo, para fazer a mulher do palhaço", debocha Silveira. "Será possível que você conseguiu um infeliz capaz de se interessar por você? Ele deve ser cego."

A enfermeira perde o controle e responde à altura. "Está enganado! Vou me encontrar com um homem bonito, jovem, que me ama", diz Norma, mostrando sua aliança. "Vou me casar e me livrar para sempre da sua grossura, dos seus coices, do seu mau humor de velho rabugento", desabafa.
Silveira questiona o tom que Norma usou para falar com ele, o patrão. "Vai ser o meu tom cada vez que o senhor me destratar, me humilhar. E se não gostar, eu me mando dessa casa maldita. Estou cheia disso tudo", retruca a enfermeira.
Não perca essas cenas cheias de tensão, que vão ao ar na terça, 8 de fevereiro.


Fonte de pesquisa:
Insensato Coração - Oficial

Nenhum comentário: