terça-feira, 12 de maio de 2015

Beatriz matará mais uma pessoa: vilã empurrará cadeirante da escada


Beatriz (Gloria Pires) fará mais uma vítima nos próximos capítulos de "Babilônia". A vilã matará Sebastião, que foi vizinho de Cristóvão (Val Perré) em Madureira. Tudo porque o homem contaria para a polícia que o motorista recebeu uma ligação da dona da construtora na noite em que morreu. 

 A história começará quando Beatriz se encontrar com Diogo (Thiago Martins). O nadador deixará escapar que Regina (Camila Pitanga) conseguiu o registro telefônico do dia da morte de seu pai. O jovem contará ainda que Sebastião foi a última pessoa para quem Cristóvão ligou e ele pode ter uma pista sobre o assassinato do motorista. 

 Depois disso, Beatriz voltará para a construtora e pedirá um levantamento do cadastro dos funcionários da empresa. Com o arquivo em mãos, ela conseguirá o antigo endereço do pai de Regina. Ela irá até o local e descobrirá que o vizinho Sebastião se mudou, mas conseguirá o contato com a nova moradora da casa. 

 - Mas afinal, onde ele mora? - perguntará Beatriz. 

 - No Cardosão. É uma ladeira lá em Laranjeiras, na Zona Sul. E está na pior, coitado, de cadeira de rodas, bebendo muito, pelo que me disseram... - responderá a moradora. 

 Com as informações, Beatriz planejará ir atrás do homem. Ela colocará luvas, um lenço na cabeça e óculos escuros. A malvada também pegará uma arma e seguirá para o Cardosão. 

 Ao chegar no local, Beatriz avistará um senhor na cadeira de rodas. Quando ele começar a andar, a dona da construtora caminhará na direção dele. Ao perceber que Sebastião tem dificuldades para entrar em casa, vai oferecer ajuda. O cadeirante aceitará, mas achará estranho: 

 - Epa! Fechou a porta por quê? Já falei obrigado, não é pra entrar, quê que você quer aqui? - indagará Sebastião. 

 - O senhor precisa de companhia. Tava bebendo sozinho no boteco - responderá Beatriz. 

 A vilã vai tirar uma garrafa de uísque da bolsa e dará para Sebastião. No meio da conversa, o cadeirante descobrirá que ela era a amante de Cristóvão e tentará suborná-la, mas Beatriz tentará desconversar: 

 - Seu Sebastião, eu nunca fui caso do Cristóvão, ele tava contando vantagem que pegou a mulher do patrão, esquece essa besteira. 

 - Eu nunca achei que alguém tava ligando pra essa história. Quando o Cristóvão morreu eu ainda tinha meu trabalho, minha mulher, não vivia nessa lama que eu vivo hoje. A Regina veio aqui pra saber quem matou o pai dela - contará Sebastião 

 - E o senhor sabe quem foi? - questionará a vilã. 

 - Na época, achei que era assalto. Mas do jeito que a Regina veio aqui, querendo saber quem que tinha marcado com o Cristóvão naquela noite... de repente ela pensa que a pessoa, a mulher que o Cristóvão ia encontrar lá, viu alguma coisa, sabe quem matou ele. Você sabe? Foi você? Foi você que matou o Cristóvão - dirá Sebastião. 

 Beatriz vai tirar a arma da bolsa e dará uma coronhada na testa do homem, que desmairá. Ela vai esperar um tempo até que fique de madrugada e o movimento do local acabe. Depois, sairá empurrando Sebastião na cadeira. No meio do caminho, ele acordará e pedirá clemência: 

 - Não faz isso comigo, eu não conto nada pra ninguém, juro, não te conheço, não sei teu nome... 

 A vilã tapará a boca do senhor até chegar no alto da escadaria e empurrá Sebastião. Quando a queda terminar, ele vai aparecer morto no chão entre as ferragens retorcidas da cadeira.

Fonte:

Nenhum comentário: