sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Boa sintonia, diversão e curiosidades se destacam na coletiva de Linda de Morrer, filme estrelado por Gloria Pires. Confira!


Os atores Gloria Pires, Ângelo Paes Leme, Emílio Dantas e Antonia Morais receberam os jornalistas na última terça-feira (11) para falarem sobre o filme Linda de Morrer, que tem estreia marcada para o dia 20 de agosto. A coletiva de imprensa que ocorreu no hotel Sofitel em Copacabana, foi cheia de descontração e risadas. O clima entre os atores, a diretora Cris D'Amato e a produtora Iafa Britz, que também estavam presentes, era de pura amizade e diversão. 

O Satisfashion foi recebido com muita pompa e simpatia, e conta para vocês o que rolou no bate papo sobre a comédia protagonizada por Gloria Pires. Confira! 


O clima de festa e descontração se deu logo de início quando os atores entraram na sala onde foi realizada a coletiva. Cada vez que um deles chegava, os outros gritavam "Linda de Morrer", "Lindo de Morrer” , fazendo referência ao título do filme. Antes de se prepararem para as perguntas dos jornalistas, o elenco falou um pouco do filme e de seus personagens. 

Para Ângelo Paes Leme, participar do projeto foi um enorme prazer, destacando que filmar Linda de Morrer foi um trabalho de companheirismo entre toda a equipe e o elenco. O ator declarou também que mesmo sem perder o humor, o filme faz as pessoas refletirem:

"É uma comédia super divertida. Ao mesmo tempo em que é uma comédia, ele faz uma crítica ao que o excesso de vaidade ou a deturpação de determinados valores podem fazer com uma pessoa. A gente às vezes, entra em um terreno perigoso, e esquece das coisas essenciais da vida, das coisas simples. Então o filme fala um pouco disso, do perigo que isso pode acarretar, que pode gerar, mas de uma forma leve, de uma forma divertida. E o filme também tem reviravoltas, como toda uma boa comédia". 


A produtora Iafa Britz, conhecida pelos filmes Se Eu Fosse Você e Minha Mãe É Uma Peça – O Filme, contou que trabalhou anos no roteiro de Linda de Morrer para que a história não ficasse chata e nem piegas, mas sim leve e com uma mensagem importante. 

Para Gloria Pires, o filme não tem uma lição de moral. Para ela, Linda de Morrer é uma história comum a todo mundo, pois se trata de temas universais: 

“Quando li o roteiro adorei o fato de ser uma comédia e tratar desses assuntos: morte, frustração, egoísmo, etc. Acho que o humor é um veiculo maravilhoso pra gente perceber certas coisas, pensar sobre elas”

Procedimento Estético 

Cris D'Amato, responsável por dirigir comédias de sucesso como S.O.S Mulheres ao Mar, salientou que não possui nada contra o tratamento estético, e que inclusive irá fazer algum em breve, arrancando risadas de todos. A diretora enfatizou ser contra o excesso de tratamento, onde a mulher se perde e fica refém de cirurgias. 

Gloria complementou o pensamento da diretora: "Tem uma coisa muito legal que, embora você esteja dizendo que é contra, o filme não tem essa pegada. O filme não julga nada, ele simplesmente usa esse pano de fundo para falar dessa história, e em nenhum momento ele fica “Ah, isso não é legal", "Isso é legal". É a vida como ela é." 

D'Amato concordou ao dizer que o remédio Milagre é apenas uma consequência para que o filme aconteça, pois através desse medicamento, eles contam uma história de relação entre mãe e filha. 

Gloria e Antonia 


Em Linda de Morrer, Gloria Pires e Antonia Morais repetem a dobradinha que fazem na vida real. No filme, elas também são mãe e filha, e a reprise da relação na telona não poderia deixar de ser comentada. 

Gloria afirmou ter sido um prazer contracenar com a filha e comentou sobre a emoção que ambas sentiram ao ler o roteiro da película: 

“No início antes da gente começar a filmar, a Cris foi lá em casa com o roteiro e nós fizemos uma leitura que terminou em lágrimas, nem terminou pra falar a verdade. É um assunto para quem na vida já perdeu alguém querido e deixou de falar coisas para essa pessoa ou gostaria de rever algum momento que já passou. Isso é uma reflexão muito interessante do filme. A gente deve desacelerar um pouquinho, porque ficamos muito em função dessas maquininhas e o dia de repente acabou, e deixamos de passar coisas muito importantes. Foi um prazer fazer esse filme com a Cris, que eu já conhecia e admirava, e também estar com a minha filha , que está estreando no cinema" 

Antonia diz não saber de fato até que ponto contracenar com Gloria influenciou em algo: 

“Mas eu sei que em alguns momentos, me sentia bem a vontade porque não era a Gloria Pires, era a minha mãe. Só que às vezes, era a Gloria Pires, a grande atriz. Então era uma coisa muito bipolar, mas foi muito bom e engraçado”. 

Gloria declarou que dividir a cena com Antonia tirou um pouco de seu sono. Ela tinha medo de que pudesse ser uma mãe chata controlando a filha:

“Mas nada disso aconteceu. Ela (Antonia) se colocou o tempo todo muito séria, como em tudo o que ela faz. Ela é muito madura, muito profissional, levando muito a sério esse trabalho. E aí o que ficou foi só a corujice da mãe curtindo e emocionada vendo as cena dela”. 

Vítima da Vaidade? 

Ao contrário de sua personagem, Gloria afirmou não ser vítima da vaidade. Para ela, o importante é fazer um bom trabalho, já que é o que todos estão vendo. Entretanto, Pires afirmou que desde um certo tempo, começou a correr contra o relógio, mas que sua vaidade é normal, sem extrapolar o bom senso: 

“Eu percebi que estava aquém do que deveria, e comecei uma corrida. Você vai trabalhando muito e a vida vai ficando para trás, e se cuidar é uma coisa que você tem que fazer todo dia. Nunca fui vitima da vaidade, graças a Deus. Eu acho que a medida é o bom senso”. 

Sem medo de morrer 

Gloria afirmou que o que a deixa com medo, não é a morte, mas sim deixar assuntos inacabados. Então, a atriz está sempre dizendo o quanto ama todos que estão ao seu redor. Com os filhos, Gloria preza a amizade entre eles: 

“Eu fico dizendo para as crianças: “Lembra sempre daquilo que a mamãe falou", "Quero que vocês sejam sempre amigos",Vocês são irmãos, e devem estar juntos sempre". 

Satisfashion Entrevista 


Cris D'Amato costuma colocar em suas comédias, personagens femininos independentes. Geralmente neles estão presentes mulheres que lutam pelo o que querem. Perguntamos então, como a diretora vê a ascensão da mulher no cinema atual: 

Cris declarou que: “A ascensão feminina foi dada à largada há alguns anos, principalmente com a Tizuka Yamasaki, entre outras diretoras. Acho que é um espaço que se abre no mercado como em qualquer outro trabalho, onde as mulheres estão conseguindo chegar em determinados cargos. A gente tem o mesmo potencial que os homens, talvez visões diferentes. Não adianta dizer que “Ah, o filme é feminino”. Bom, eu sou uma mulher! “Você gosta de enfocar as questões de que as mulheres estão sempre buscando alguma coisa”. Eu acho que as mulheres estão sempre buscando alguma coisa. Nós somos seres inquietos, e por muitos anos ficamos muito assentadas. A gente pode falar e mostrar o que a gente acha e o que eu a gente sente, e o filme é um canal para isso”. 

Curiosidades engraçadas e arrepiantes dos bastidores 

Durante a coletiva os atores revelaram curiosidades que aconteceram nos bastidores. Como o filme trata do espírito do personagem de Gloria vagando entre os vivos, o elenco transformou um cemitério de verdade em um set de gravação. Gloria contou que quando eles estavam gravando entre os túmulos, apareceu no fundo da cena uma mulher loira vestida com roupas de mãe de santo. Todos acreditavam que a mulher em questão fosse a atriz Susana Vieira, que é loira, e no filme vive justamente uma mãe de santo: 

“Estávamos rodando (a cena) e ela era bem parecida com a Susana, loira e tal, e a gente falou:” O que a Susana está fazendo passando ali atrás? E na verdade se tratava de uma pessoa que foi visitar o cemitério". 

Se a curiosidade de Gloria Pires fez todos na sala rirem, a de Emilio Dantas conseguiu arrepiar. 


O ator que ficou conhecido do grande público ao interpretar Cazuza em um musical, resolveu sentar em um túmulo para beber café, quando alguém veio lhe pedir para tirar uma foto. Ao ficar de pé, o ator olhou para trás e viu que estava sentado justamente no túmulo de Cazuza. Emilio chegou a pensar que o levaram ali de propósito, mas Cris D'Amato, surpresa com o acontecido, declarou que foi coincidência: 

“A gente estava gravando perto do túmulo do Cazuza, e você (Emilio) sentou lá sem perceber que era dele. Foi muito louco”, comentou Ângelo Paes Leme. 

“E cazuza é o nome de uma vespa, né? Na verdade de um marimbondo. E no mesmo dia tinha um deles andando no nome do Cazuza na lápide”, comentou Emilio, deixando todos surpresos.

Fonte:

Nenhum comentário: