quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Mãe e filha na vida real e na ficção, ‘Linda de Morrer’ traz Gloria Pires e Antonia Morais em relacionamento conturbado

COMÉDIA CHEGA AOS CINEMAS DIA 20 DE AGOSTO EM TODO O PAÍS


“O filme também fala dessa falta de comunicação dos tempos que a gente vive; a falta de tempo para estar com quem você ama”, conta Gloria Pires no vídeo sobre a comédia “Linda de Morrer”, de Cris D’Amatto, que estreia dia 20 de agosto nos cinemas. Ela é Paula Lins, uma dermatologista de sucesso que acaba de descobrir a cura definitiva para a celulite, mas que não contava que os efeitos colaterais do remédio a levariam a morte. Dedicada à profissão, na vida pessoal não tem tempo para Alice, sua única filha, vivida por Antonia Morais. “Toda filha e mãe têm um pouco de conflito e a partir do momento que a mãe morre, elas encontram um meio termo”, revela Antonia sobre a sua personagem, a estudante de fotografia Alice. 

Para corrigir seus erros depois de morta e a resgatar a relação com a filha, Paula pede ajuda ao psicólogo Daniel (Emilio Dantas). Juntos, Paula, Daniel e Alice tentarão suspender a venda da pílula pelos sócios inescrupulosos de Paula, Francis (Angelo Paes Leme) e Marcelo (Pablo Sanábio), que mantiveram a venda do medicamento apesar das graves reações do “Milagra”. O elenco da comédia conta ainda com Vivianne Pasmanter, Angelo Paes Leme, Stella Miranda, Priscilla Marinho, entre outros. Produzida pela Migdal Filmes e distribuída pela Fox Film do Brasil, a coprodução é da Globo Filmes e parceria com BRDE, ANCINE, Fundo Setorial do Audiovisual e Telecine.

Fonte:

Nenhum comentário: