terça-feira, 19 de julho de 2011

Ao conhecer Raul, Norma busca informações sobre Léo

O pai desabafa e afirma que o vilão destruiu a família Brandão


O noivado de Marina (Paola Oliveira) e Pedro (Eriberto Leão) movimenta a mansão de Vitória (Nathalia Timberg) e quem chega, pela primeira vez à mansão, é Norma (Gloria Pires). A viúva conversa com Bibi (Maria Clara Gueiros) e fica sem jeito quando ela critica Léo (Gabriel Braga Nunes).
Wanda (Natália do Vale) tenta defender o filho e, quando Raul (Antônio Fagundes) também se intromete, Vitória o apresenta a Norma. Ao longo da noite, a viúva disfarça e aproveita uma oportunidade de ficar a sós com Raul no escritório.
Norma já inicia o assunto demonstrando interesse na revolta entre pai e filho. "Sei que o Léo é adulto, responsável por seus atos. Mas, se ele entrar agora por aquela porta, vou me dividir entre dois impulsos igualmente irresistíveis. Um, ligar para polícia. O outro, abraçar o meu filho, colocar os braços em volta dele, como faço desde que era bebê, e protegê-lo dos perigos. E chorar pelos mesmos dois motivos: a mágoa por ele ter destruído a própria família e a dor de vê-lo sofrer pelos erros que cometeu", Raul desabafa.
Norma fica cada vez mais interessada e, como Raul está se abrindo, ela não resiste e começa a sondar se, após tantas maldades, Pedro terá interesse em se vingar de Léo.
"Não, o Pedro quer justiça. Vingança é diferente. Cruzar a linha que separa estas duas ideias é que é o perigo. É o que torna a vítima igual ao criminoso. O que anula as diferenças entre os dois. Um é o Pedro. O outro é o Léo", define Raul.
Após a conversa, qual será o próximo passo da viúva?
Veja as cenas a partir desta terça-feira, 19/07.

Fonte:
Insensato Coração - Oficial

Nenhum comentário: